whatsapp-image-2024-01-27-at-16-01-27

Reportagem indymedia: Manifestações “Casa Para Viver”

A 27 de janeiro, saímos às ruas para protestar pelo direito à habitação em 17 cidades. Milhares de pessoas juntaram-se e indymedia criou uma equipa que acompanhou protestos em Lisboa, Porto, Setúbal, Beja, Évora, Braga, mostrando a luta daqueles que exigem casas para viver.

O protesto em Lisboa ocorreu na Alameda, onde milhares levantaram cartazes e bandeiras em defesa do direito à habitação. Todos se uniram por uma causa comum, enfrentando desafios como a especulação imobiliária que torna difícil alugar ou comprar casas para a maioria, especialmente os jovens.

A especulação imobiliária resulta no despejo dos habitantes para dar espaço a “alojamento local” ou hotéis, forçando as populações a deixarem a cidade. Este problema se estende às periferias, onde a especulação dificulta encontrar casa para alugar ou comprar. Os que permanecem em Lisboa muitas vezes vivem com os pais ou dividem casa com amigos, perdendo a independência. Em Setúbal, por exemplo, ouvíamos o grito: “Dêem uma casa, eu não quero ficar na casa dos meus pais!”

Os protestos avançaram até a Rua Augusta, onde, em palco, a demanda por um referendo sobre habitação, como nos anos 80 e 90, foi enfatizada. Exigimos mudanças nas leis para garantir que lisboetas e portugueses tenham o direito a uma habitação digna.

A luta continua até que vejamos resultados. Não, não vamos parar, seja com o atual governo ou outro.

Braga:

Lisboa

Livestreams /Diretos PTrevolutionTV:

Ninja 1 – Live completo da Manifestação na frente da marcha e declarações finais

Ninja 2 – Lives ao longo da Manifestação

Fotos

Vídeos

Porto

ATIVISMO EM FOCO:

https://indymedia.pt/2024/01/29/fotorreportagem-da-manifestacao-casa-para-viver-porto-27-01-2024

+

Casa para Viver 27 Janeiro 2024
https://www.casaparaviver.pt/

No próximo dia 10 de Fevereiro queremos formar uma nova equipa para acompanhar a Manifestação Nacional Palestina Livre que vai acontecer em Lisboa, Braga e Faro, se te quiseres juntar a esta equipa entra em contacto connosco ou visita o nosso grupo no Whatsapp

https://chat.whatsapp.com/BNY1bd9u4rh03xff8asHZI

Pela soberania da informação.

, ,